quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Debate na Câmara de vereadores coloca adversários frente a frente na reta final da campanha em SRN

2016-09-27-photo-00000118
Carmelita Castro durante o debate.
Com uma apresentação simples e objetiva Carmelita Castro falou sobre a sua biografia, e o motivo pelo qual pretende ser prefeita deste município onde foi nascida e criada.

Logo na apresentação inicial o atual prefeito Avelar Ferreira, aproveitou o momento para atacar a pessoa e a família da candidata Carmelita Castro, afirmando se tratar de uma oligarquia e enfatizando que a candidata veio morar aqui neste ano.
No seu direito de resposta, Carmelita Castro afirmou não entender o ataque pessoal, afinal, o momento era de falar propostas. E que não importava quanto tempo ela morava no município, o que interessava era a sua vontade de desenvolver a cidade, pois qualquer um poderia ser candidato, não apenas a família do atual gestor.
2016-09-27-photo-00000119
Candidata Elizete e Germir Dias durante o debate.
avelar
Avelar Ferreira durante o debate.
2016-09-27-photo-00000128
Multidão acompanhou o debate na porta da Camara dos Vereadores de São Raimundo Nonato.
Alguns eleitores da candidata Carmelita Castro falam que ela se destacou no debate realizado pela Rádio Serra da Capivara e retransmitido pelo SaoRaimundo.com -“Enquanto os candidatos trocavam desavenças pessoais, e atacavam Carmelita Castro, a mesma falava em propostas”.
 -“Durante todo o debate, Carmelita Castro se manteve calma, projetou confiança, valorizou sua experiência e conseguiu colocar os adversários na defensiva”.
Em muitos momentos o atual prefeito subestimou a inteligência da população afirmando que a cidade esta bastante “embelezada”.
Elizete Sousa prometeu fazer recadastramento de todas as casas populares do município e ampliar o numero de beneficiários.
O candidato Germir Dias atacou várias vezes a atual administração e criticou algumas ações do Governo do Estado.
SãoRaimundo.com

domingo, 25 de setembro de 2016

Virgínia e Nenê declaram gastos irrisórios de campanha ao TSE








Dados constam na prestação de contas dos candidatos ao TSE (Fotos: Gustavo Almeida)


Mesmo com carreatas, comícios, chuva de caminhonetes alugadas, produção de músicas e muita publicidade impressa, os dois candidatos a prefeito de Dom Inocêncio declararam até agora gastos irrisórios com a campanha. A prestação de contas ainda é parcial, mas faltando apenas uma semana para o pleito as despesas declaradas por Nenê (PSDB) e Virgínia (PP) são bem longe daquilo que o povo inocentino imagina.

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Nenê gastou até agora apenas R$ 20.642,60 com a campanha, enquanto sua adversária Virgínia informou à Justiça Eleitoral ter gastado somente R$ 14.730,32. Conforme os números do TSE, Virgínia é a campeã de gastos com locação de veículos, mas todo o valor declarado por ela com esse tipo de despesa é apenas a pequena quantia de R$ 7.500.

Mesmo com quase 40 dias de campanha, a candidata do PP disse à Justiça Eleitoral que só gastou 2.993,32 com combustível, sendo todo o produto adquirido por ela no Posto Mania, da cidade de São Raimundo Nonato. Já o candidato tucano informou que suas despesas com combustíveis e lubrificantes até agora foram de apenas R$ 1.242,60, comprados do Posto Benta, na cidade de Dom Inocêncio.

As propagandas com material impresso de Virgínia só custaram, segundo ela, R$ 2.300, sendo que R$ 1.600 foram pagos para a Gráfica Sousa, da cidade de Dom Inocêncio, e R$ 700 para a Gráfica Ribeiro, de São Raimundo Nonato. Nenê já gastou R$ 7.300 com material de publicidade impressa, sendo todas essas despesas na Gráfica Ribeiro.

Doadores de campanha
O candidato Nenê possui os dois maiores doadores de campanha até agora no município. Segundo a prestação de contas parcial, o seu pai Luiz da Benta doou R$ 6.880 para a sua campanha. O candidato a vice-prefeito José Arimatéa (PMDB) é o segundo maior contribuinte da campanha de Nenê, tendo doado R$ 6.500.

Já os dois maiores doadores da campanha de Virgínia são: Renato da Silva Passos e Plácido da Silva Coelho Neto, o Cidim, irmão do candidato a vereador Genin (PP). Conforme a declaração de gastos prestada por Virgínia ao TSE, Renato doou R$ 4 mil para sua campanha, enquanto Cidim contribuiu com a quantia de R$ 3.500.

Como Abrir Uma Lotérica: Investimento, Lucro e Exigências

Para fazer uma aposta na loteria, pagar as suas contas ou simplesmente sacar dinheiro, uma grande parcela de brasileiros vai até uma casa lotérica. Quer abrir um negócio com grandes possibilidades de rendimentos? 

Saber como abrir uma lotérica é uma boa opção para investir, pois trata-se de um negócio que oferece um atendimento de qualidade e rápido, atraindo uma grande quantidade de pessoas que preferem um serviço prático e eficiente.
como abrir uma lotéricaDevido à grande procura por parte dos consumidores e o potencial do negócio, o interesse dos empreendedores para abrir uma lotérica é cada vez maior. Quer entrar para esse ramo? Para ser bem sucedido é necessário conhecer todos os passos exigidos para montar uma lotérica, veja mais:

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Governador Wellington Dias chega a Dom Inocêncio

O governador Wellington Dias chegou nesta manhã de sexta-feira (23/09) a Dom Inocêncio em mais uma visita a pequena grande cidade. Segundo a assessoria do governador o  objetivo da visita não é o de inaugurar obras, mas sim apoiar a candidata do PP a prefeita do município, Virgínia que está em segundo lugar nas pesquisas de intenção de voto. 

Além disso, Wellington Dias deverá também falar sobre as obras do asfalto que liga Dom Inocêncio a São Lourenço e a adutora Padre Lira que trará água da barragem do Jenipapo em São João do Piauí, a 60km de distância para a sede do município.

Alguns inocentinos comentaram a possibilidade de organizar uma manifestação pelas redes sociais. Na dúvida se haveria protesto ou não, o governador não titubeou e preferiu se precaver trazendo consigo na comitiva o batalhão da polícia militar de São Raimundo Nonato.

Confira as fotos de Alonso Gomes/Maria das Mercês Oliveira/Josenaide Marques







Veja como foi a passagem do governador Wellington Dias em Dom Inocêncio nas palavras do jornalista Marcelo Damasceno:

"Foi um sucesso a passagem de Wellington Dias por nossa cidade.
Foram dignos de elogios os discursos de:

- Wellington Dias
- Margarete Coelho 
- Flavinho Nogueira
- Hélio Isaias
- Marcos Damasceno
- Virgínia

O evento aconteceu na praça da igreja matriz.
Já a abertura ficou por conta do candidato vice Marcos Damasceno que deu boas vindas ao governador e aos demais que ali se faziam presente.

Wellington Dias não deu 'mole'. O mesmo falou de vários temas... além é claro do apoio a candidata Virginia e o Vice Marcos. Em uma de suas falas o governador deu a devida satisfação e explicações sobre o prazo de entrega do asfalto que liga São Lourenço até Dom Inocêncio, além de falar também sobre a adutora Pe. Lira. Todos queriam saber.

Todo mundo queria pegar na mão e declarar a sua admiração pelo governador. Com a Virgínia também não foi diferente.
O mais curioso mesmo foi no final o povo abordando e dizendo: "Marinho diz a Virgínia que depois dê uma passadinha lá em casa pra gente conversar, quando ela tiver um tempinho".

"Depois de hoje o negócio ficou 'baldeado'. Eu gostei do que foi dito ali". Disse um adversário.

Hélio Isaias o que o Sr. falou realmente foi dígno de muitos gritos, palmas e elogios sem fim. Meteu a ripa pra cima foi sem pena!!!
Obs: não foi convidado ninguém do interior, quem veio compareceu de livre e espontânea vontade.

Foi apenas uma simples caminhada com o nosso governador, algo bem diferente de uma tão badalada carreata que passaram semanas convidando o povo do interior todo. Chegaram até a dizer que iam botar Dom Inocêncio para tremer que ia ser a carreata da verdade. Cadê ?! Não tremeu nada e nem vai mais.
Dom Inocêncio agora vai mudar. Agora o povo quer é o 11.
Jornalista,


Governador subiu no banquinho para discursar em Dom Inocêncio imagem: João Neto

Adicionar legenda

Avelar Ferreira afirma que Germir, por ser inocentino, não sabe a necessidade de saneamento básico

" Você nasceu em Dom Inocêncio e não sabe a necessidade de um saneamento básico"

Segundo o jornalista inocentino Gustavo Almeida,  o candidato a vice-prefeito de Avelar Ferreira é o vereador Jairon Ramos (PSB), lá de Dom Inocêncio. Isso mesmo, lá de Dom Inocêncio. Ou seja, se formos seguir o pensamento torpe do prefeito, então ele escolheu um vice que não sabe a necessidade de um saneamento básico.

Veja o momento da afirmação de Avelar em vídeo gravado pelo Portal SRN





quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Carmelita falta a debate e candidatos aproveitam para criticá-la.

"Reprovada por falta"
Resultado de imagem para candidatos a prefeito e m SRN
imagem: 180 graus
O Instituto Federal do Piauí campus de São Raimundo Nonato realizou nesta quinta-feira (22/09) mais um debate político entre os candidatos a prefeito de São Raimundo Nonato. Compareceram ao encontro apenas três candidatos, o atual prefeito Avelar Ferreira, o professor Germir Dias e a ex-vereadora Elizete Sousa. 

A candidata Carmelita Castro, que havia confirmado presença, não compareceu ao debate alegando em nota enviada pelos assessores na última hora, compromisso assumido em comunidades que não teria outra chance de visitar.

Logo no início do debate o candidato do PROS, professor Germir Dias, começou o ataque ao então prefeito Avelar Ferreira alegando a falta de recursos destinados à cultura do município criticando o atual salário da Secretária de Cultura que, segundo ele, recebia R$ 4.500,00 por mês.

Na ausência da candidata do PP, Carmelita Castro, Germir Dias direcionou os ataques ao atual prefeito. Segundo Germir:
" Para conseguir um emprego na atual administração, não é necessário concurso público. Basta empunhar uma bandeira ou queimar uma girândola".

Saneamento básico

Ao ser questionado por Germir sobre o saneamento do município, Avelar alegou que o candidato do PROS é natural de Dom Inocêncio, município que não possui saneamento, e não poderia opinar sobre as condições atuais de São Raimundo. 

"Quem nasceu em Dom Inocêncio não sabe a necessidade de um saneamento básico", disparou o atual prefeito. Avelar afirmou ainda que neste quesito o município está bem melhor hoje do que quando assumiu a prefeitura. 

Em réplica, Germir fez questão de frisar que quando nasceu, em 1976, a localidade do Curral Novo, atual Dom Inocêncio, pertencia a São Raimundo Nonato, sendo assim  sanraimundense legítimo. A plateia, até então silenciosa, não se conteve e ficou em polvorosa.



Educação

Avelar Ferreira destacou que tem como proposta na educação destinar uma área para a construção do Campus da Uespi como foi feito na instalação do Instituto Federal. Prometeu também estreitar a relação entre o IFPI e a Prefeitura Municipal no sentido de promover o ingresso dos jovens técnicos do instituto no mercado de trabalho da cidade. "Jovem não é futuro, é presente" frisou o "gato vermelho".

Já o candidato Germir destacou sua experiência como gestor de escola estadual ampliando a quadra esportiva que em sua gestão passou a ser coberta,  Diferente das quadras do município que não passam de calçadas a céu aberto e ninguém pode utilizar, somente a noite, devido ao sol, disparou Germir.

Obras inacabadas

A professora Elza Soares iniciou sua fala com um "FORA TEMER" e indagou aos candidatos a ausência de placas nas obras do município indicando a data de início e  final da obra, assim como o custo da mesma . Avelar reiterou que em suas obras todas tem placa indicativas e que vai mandar investigar se houver irregularidades. Já o candidato do PROS, Germir Dias disse que a prática de não por placa na obra tem como objetivo mascarar o custo da obra. 

Turismo

Sobre o fato de São Raimundo ser uma cidade turística, Avelar voltou a afirmar que turismo é para quem tem condições de viajar e arcar com as despesas. O "gato vermelho" alegou ainda que a prefeitura sozinha não pode arcar com a responsabilidade pelo acolhimento dos turistas que vem de todas as partes. É preciso que haja a parceria com a iniciativa privada, a Serra da Capivara é um parque nacional e a prefeitura não pode e nem tem condições de interferir em sua administração, lembrou o candidato.

Ficha suja

Avelar, ao citar o ex-prefeito padre Herculano, preferiu chamá-lo de ficha suja. Em resposta, Germir lembrou ao atual prefeito que também pesam sobre suas costas vários processos na justiça e que não é salutar usar este termo ao ex-prefeito Herculano já que seu atual vice de campanha, Jairon Ramos, é sobrinho de Herculano e poderá lhe abandonar quando estiver no poder, assumindo Herculano na ausência de Avelar. A plateia veio ao delírio.

Ao final, muito á vontade no debate, os candidatos criticaram a ausência da candidata Carmelita Castro. Avelar destacou que Carmelita é uma candidatura de gabinete do governador e que sempre esteve, em seus três mandatos como prefeito, em oposição ao governo estadual, jamais geriu o município com o governador ao seu lado. O "gato vermelho" disparou ainda que a candidata do governo não teve coragem de encarar os jovens estudantes que lotaram o auditório, pois não tinha propostas.

Germir preferiu lembrar que, se estivesse presente, a candidata do PP não iria gostar nem um pouco do FORA TEMER pronunciado no início do debate. O professor aproveitou a oportunidade ainda para alfinetar Carmelita, alegando que ela não compareceu porque não poderia contar com um assessor ao seu lado na mesa.

Já a candidata Elizete Sousa aproveitou para destacar que Carmelita, que mora em Teresina, alugou uma casa em São Raimundo com contrato somente até o dia quatro de outubro e que desconhece as localidades do município. " Se deixá-la na localidade do São José ela não sabe voltar", ironizou Elizete.

Partidários e simpatizantes de Carmelita Castro defenderam a ausência da candidata. Se ela tivesse vindo ao debate seria bombardeada pelos três candidatos que estarão do mesmo lado em um possível segundo turno, alegaram. 

Mesmo sem a presença da candidata do PP, este foi sem dúvida, o melhor debate realizado até o momento entre os candidatos a prefeito em São Raimundo Nonato, avaliou a maioria dos presentes que elegeram o professor Germir Dias como provável vencedor do debate.



domingo, 18 de setembro de 2016

Pesquisa eleitoral em Dom Inocêncio levanta dúvidas sobre credibilidade. Entenda o que ocorreu

"100,01%, pode isso, Arnaldo????"

pesquisa eleitoral realizada em Dom Inocêncio, a 615 km de Teresina. pelo Instituto Credibilidade de Teresina está dando o que falar na pequena grande cidade. Segundo a pesquisa o candidato a reeleição, Nenê  (PSDB), está liderando com 57,38% dos votos contra 37,38% da segunda colocada Virgínia (PP). Foi constatado ainda um percentual de 5,25% dos eleitores que não quiseram opinar.


Somando tudo chega-se a 100,01% o que acaba gerando uma desconfiança, pois o total passou de 100%. Lembrando ainda que não foram considerados os votos em branco ou nulos na pesquisa, apenas os votos válidos como informou o Instituto que realizou a pesquisa. Foram entrevistados 305 eleitores de um total de 6.243 eleitores que votam com biometria. 

A pesquisa do Instituto Credibilidade realizou entrevistas na zona urbana e na zona rural nas localidades: Lagoa dos Currais, Sal, Cansanção, Riacho Seco, Cacimbas, Salgado, Pedra Branca, Chapada do Oseas, Rosilio, Barra do Bonito, Moreira, Sítio do Badu, Angical, Ponta da Serra, Traira, Cachoeirinha e Olho D´água.

Além disso, existe ainda o fato de que o Instituto Credibilidade é alvo de denúncias pela divulgação de pesquisas eleitorais que não condizem com a realidade. Entretanto, apesar da "credibilidade" posta em dúvida, não podemos negar que o mesmo instituto acertou nas pesquisas feitas na região de São Raimundo Nonato na eleição passada, ficando bem próximo da realidade.

Resultado de imagem para virginia dom inocencio

Santinho de Virgínia - 11 - Candidata a Prefeita
Esclarecimentos

Consultamos nosso analista político e estatístico do blog, especialista em questões envolvendo pesquisas eleitorais que afirmou ser perfeitamente normal a diferença de 0,01% no percentual total dos votos. Segundo o analista: 

" Uma diferença de 0,01% no total não representa praticamente nada em uma pesquisa que é feita por amostragem. Essa diferença irrisória ocorre por conta dos arredondamentos nos números de cada candidato. Como o instituto trabalha com duas casas decimais após a vírgula, é preciso aproximar o valor que normalmente é feito para mais e não para menos o que ocasionaria um percentual menor que 100%. Há ainda o detalhe da amostra ter sido realizada com 305 pessoas, um número difícil de se calcular porcentagem. Se fossem ouvidas apenas 300 pessoas é provável que não teria ocorrido a diferença de 0,01%".

Quem quiser tirar a prova é simples, calcule 57,38% de 305 eleitores e chegará a 175,009 eleitores, aproximando este valor temos 175 eleitores que optaram pelo candidato do PSDB. Da mesma forma, calculando 37,38% de 305 eleitores, chegamos a 114,009, ou seja, 114 eleitores optaram pela candidata Virgínia. Por fim, 5,25% de 305 é igual a 16,01 que significa que 16 eleitores não opinaram. Somando os três temos 305 eleitores pesquisados.

Sanadas as dúvidas quanto ao percentual total da pesquisa, o melhor mesmo, sugeriu o analista do blog, independente da credibilidade do instituto,  é não menosprezar o poder da estatística. 

Obs. Aproveite e vote em nossa enquete do blog ao lado. Não se preocupe com o sigilo que seu nome não será revelado. Apenas escolha seu candidato a prefeito em Dom Inocêncio e São Raimundo.



Veja também:






 

Índios enviam mensagem de conforto a família de Domingos Montagner. "Ele não morreu. Ele nasceu de novo", garantem os índios

"Ele nasceu de novo. Ele agora é um protetor do Rio São Francisco, afirmaram os índios"

Cena em que o personagem Santo é tratado por um índio - Foto: Divulgação | GShow

Dessa vez, a vida não imitou arte. Na novela das nove
'#Velho Chico',#Domingos Montagner é 'Santo'. 
Em uma das sequências, ele cai no Rio São Francisco e é salvo pelos índios. 

Camila Pitanga e Domingos Montagner
Em rituais, o personagem da história de Benedito Ruy Barbosa acaba "renascendo". Ele é amparado pela grande amada, Tereza, interpretada pela atriz Camila Pitanga. Na vida, no entanto, Camila não foi capaz de salvar o amigo. 
Ela chegou a ter que prestar depoimentos na polícia. A Globo toma tudo com muito cuidado, especialmente depois que supostas fotos do corpo do ator foram divulgadas na web.

Para os índios, o  ator continuará a habitar nas águas do principal rio brasileiro
Os índios que participaram da novela eram de verdade. Nesta sexta-feira, 16, um texto escrito por eles foi lido pela apresentadora Fátima Bernardes, do 'Encontro'. Na carta aberta, eles explicam que estão de luto depois de passarem pelos momentos tão difíceis. 
Para os indígenas, o espírito de Montagner continua no rio. A alma do protagonista de 'Velho Chico' estaria a proteger a todos do Rio São Francisco. Coube a ex-esposa de William Bonner ler a carta escrita pelos índios do Nordeste. 
mensagem dos índios 
“Por que estão querendo trazer a alma dele de volta? Ele nasceu de novo hoje. Ele se tornou um novo protetor do rio São Francisco, que estava tão esquecido.", dizia uma parte do trecho do texto. 
Para os índios, a água não tira a alma e a vida de ninguém, mas pelo contrário, que essa pessoa acaba nascendo de novo, em uma oportunidade melhor e mais feliz. Os indígenas entendem que agora muitos não se conformem com a morte de Domingos, mas que um dia todos compreenderiam a necessidade da natureza.
blastingnews

Coligação "Dom Inocêncio cada vez melhor" realiza carreata. Veja vídeo

A Coligação "Dom Inocêncio cada vez melhor" realizou carreata neste sábado (17/09) na sede do município piauiense. Liderados pelo prefeito Nenê, que tenta a reeleição, a carreata invadiu as ruas da sede. Confira no vídeo

Empresa de mineração Galvani é citada em revista por desmatamento da caatinga em Caracol. Galvani envia nota de esclarecimento

Em sua edição de setembro, que traz na capa a foto de Renato Russo, a revista americana Rolling Stone, versão do Brasil, traz uma grande denúncia envolvendo a empresa multinacional Yara, da Noruega, e a mineradora paulista Galvani S/A, num grande escândalo no Piauí. 
As duas indústrias são acusadas de incentivar, financiar e ser conivente com trabalho degradante e desmatamento de áreas no Corredor Ecológico Capivara-Confusões, na região de São Raimundo Nonato (525 km de Teresina).
A revista que chegou às bancas de todo o Brasil na última quarta-feira, 14 de setembro, dedicou 8 páginas com direito a chamada de capa, para denunciar a destruição da Caatinga com financiamento internacional. Segundo a publicação, tudo aprovado pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente do Piauí (Semar) através de um suposto Plano de Manejo Florestal Sustentável, para explorar uma área superior a 8 mil campos de futebol de matas nativas.
A madeira estava sendo utilizada para alimentar os fornos da mineradora paulista Galvani – pertencente a Yara – e que explora uma mina de fosfato na divisa da Bahia com o Piauí, nas proximidades das cidades de Caracol e Guaribas. Durante uma operação do Ministério Público do Trabalho e da Polícia Rodoviária Federal, 18 trabalhadores em condições análogas à escravidão foram libertados numa fazenda utilizada pelas indústrias para desmatar a Caatinga.
Capa Rolling Stone Setembro 2016.jpg
r1.jpg
A Rede Ambiental do Piauí (Reapi) solicitou que o Ministério Público Federal abre uma investigação para investigar as denuncias. O processo está com o procurador da República Tranvanvan Feitosa que já solicitou todos os documentos referentes ao empreendimento à Semar e determinou uma investigação para apurar os fatos.
Por André Pessoa

Nota de esclarecimento

A empresa, através de William Gimenes - assessoria de comunicação, enviou uma nota de esclarecimento ao blog indicando a procedência da madeira utilizada em seus fornos.

"Esclarecemos que toda madeira utilizada pela Galvani como fonte energética em suas unidades é adquirida de fornecedores que possuem as licenças e as autorizações ambientais necessárias para corte, venda e transporte. 
Para tanto, a exploração deve ser realizada dentro de um Plano de Manejo Florestal Sustentável (PMFS), que orienta a utilização e produção do bem, assegura um melhor aproveitamento dos recursos, busca reduzir o impacto da exploração e promover a sustentabilidade", disse por meio de nota.

"O uso de lenha nativa na região é autorizado pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e o fornecedor da Galvani, SS Agrosilvipastoril, ao assinar contrato com a empresa, comprovou ter as licenças em dia. 

Por conta de irregularidades trabalhistas encontradas pelo MPT na SS Agrosilvipastoril, em vistoria realizada no final de junho, a Galvani, que estava trabalhando com a empresa há apenas um mês na ocasião, rescindiu o contrato imediatamente", concluiu a Galvani.
Denu?ncia Revista Rolling Stone.jpg
180Graus

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Nenê lidera em Dom Inocêncio, aponta pesquisa

por Darlan Ribeiro do sãoraimundo.com
O candidato Luzivalter Santos (Nenê) do PSDB lidera a disputa pela Prefeitura de Dom Inocêncio, a 615 km de Teresina.
Em pesquisa estimulada realizada pelo Instituto Credibilidade, o atual prefeito e candidato à reeleição tem 57,38% das intenções de voto e dispõe de larga vantagem para a segunda colocada, Maria das Virgens (Virgínia) do PP, que aparece com 37,38%. 
Ainda na pesquisa estimulada, 5,25% dos entrevistados responderam que não sabem ou não quiseram opinar.
fb_img_1473978736467
O candidato do PSDB, Nenê, também lidera a corrida para Prefeitura de Dom Inocêncio na pesquisa espontânea, quando questionado em quem vai votar, o próprio eleitor cita o nome do candidato espontaneamente. Nessa modalidade, Nenê (PSDB) tem 54,75% dos votos, enquanto Virgínia (PP) aparece com 34,10% das intenções de voto e 11,15% não sabem ou não quiseram opinar.

O Instituto Credibilidade também ouviu os eleitores inocentinos sobre a avaliação da atual gestão do prefeito Nenê (PSDB). De acordo com a pesquisa, 55,41% dos entrevistados avaliaram como ótimo/bom a administração do atual prefeito. 14,10% disseram que é regular, 27,87 avaliaram como ruim/péssimo e 2,62% informaram que não sabem ou não quiseram opinar.

A pesquisa foi realizada pelo Instituto Credibilidade entre os dias 05 e 06 de setembro, na zona urbana e povoados da zona rural de Dom Inocêncio, onde foram entrevistados 305 eleitores. A pesquisa utilizou a amostragem não aleatória por cotas proporcionais de sexo, faixa etária, grau de instrução e renda domiciliar no município de Dom Inocêncio e está registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob número PI-00972/2016. A margem de erro é de 5,47% para mais ou para menos.

95,41% dos eleitores afirmam que não irão mudar o voto 
O Instituto Credibilidade também perguntou aos eleitores de Dom Inocêncio se eles podem mudar o voto até o dia das eleições, 02 de outubro. 95,41% deles responderam que não vão mudar o voto, enquanto que apenas 0,33%, confirmaram que podem sim mudar o voto. 4,26% responderam que não sabem ou não quiseram opinar.

A pesquisa do Instituto Credibilidade realizou entrevistas na zona urbana e na zona rural nas localidades: Lagoa dos Currais, Sal, Cansanção, Riacho Seco, Cacimbas, Salgado, Pedra Branca, Chapada do Oseas, Rosilio, Barra do Bonito, Moreira, Sítio do Badu, Angical, Ponta da Serra, Traira, Cachoeirinha e Olho D´água.


pesquisa-2


pesquisa-3

Acordes do Campestre irá receber verba de 300 mil reais, confirma deputado

Cidadeverde
Edição: Weslley Moreira do Portal SRN
Um emenda parlamentar no valor de R$ 300 mil deve ser destinada ao projeto Acordes do Campestre, que existe na região de São Raimundo Nonato, no sul do Piauí, e ensina a arte de tocar instrumentos a dezenas de crianças, jovens, adultos e idosos de diversos municípios da região com aulas de sanfona, zabumba, baixo, violão e triângulo.
O deputado Heráclito Fortes (PSB) anunciou nesta quarta-feira (13) que colocará no orçamento de emendas a iniciativa do empreendedor musical Salvador Nunes e do seu filho Sandro Dias, conhecido nacionalmente como Sandrinho do Acordeon. O Projeto foi criado em 2011.
“Sandrinho faz um trabalho social fantástico e está tirando jovens das ruas, das drogas e do mau caminho. Eu fui visitá-los no local onde está a escola e o que me deixou triste é que a ajuda de autoridades públicas do Piauí sejam poucas ou quase nenhuma”, disse.
“É por isso que estou colocando no orçamento, da minha cota pessoal, estes recursos para que eles consigam, através de uma infraestrutura mínima, melhorar as condições de vida daquela gente”, disse, ressaltando que, além da destinação da emenda, já contactou três bancos de grande porte para que eles se insiram neste projeto. “Eu tenho certeza que este é um esforço que terá retorno”, disse.

Resultado de imagem para acordes do campestre
Projeto funciona em São Raimundo Nonato no bairro Campestre. imagem: portal AZ

Em seu pronunciamento, Heráclito Fortes também vai intermediar um encontro entre os idealizadores do Projeto e o Ministro da Cultura para que o governo possa conhecer e ajudar a intensificar o trabalho.  “Nós temos no Piauí riquezas que, infelizmente, ainda não conseguimos divulgá-la na medida que merecem. A implementação deste projeto será mais uma fonte de turismo para os brasileiros que irão a São Raimundo Nonato, reconhecida pelo Parque Nacional da Serra da Capivara”, concluiu.

Jornal O Dia divulga pesquisa com Avelar liderando em São Raimundo

Informações Extraídas do Jornal O Dia



Candidatos a Prefeitos de São Raimundo Nonato
O candidato Avelar Ferreira (PSD) lidera a disputa pela Prefeitura de São Raimundo Nonato em pesquisa realizada pelo Instituto Credibilidade. O atual candidato à reeleição tem 48,5% das intenções de voto e dispõe de larga vantagem para a segunda colocada Carmelita Castro (PP), que aparece com 38% das intenções de voto, na terceira colocação aparece a candidata Elizete Souza (PRP) com 2,5% das intenções de votos e em último aparece o candidato Germir Dias (PROS) aparece na pesquisa com 0,25%. Ainda na pesquisa estimulada 9,5% dos entrevistados responderam que não sabem ou não opinaram em quem votar.
O candidato do PSD, Avelar Ferreira também lidera a corrida pela Prefeitura de São Raimundo Nonato na pesquisa Espontânea, quando questionado, o eleitor cita o nome do candidato espontaneamente. Nessa modalidade Avelar Ferreira (PSD) tem 46% dos votos, enquanto Carmelita Castro (PP) aparece com 37% e Elizete Souza (PRP) 2,5%, já o candidato Professor Germir Dias  em 0,35% das intenções de voto e 14,25% não sabem ou não quiseram opinar.
O Instituto Credibilidade também perguntou aos eleitores de São Raimundo Nonato se eles podem mudar o voto até o dia das eleições, 02 de outubro 87,25% deles responderam que não vão mudar o voto, enquanto apenas 4% disseram que pode mudar o voto, 3,5% responderam talvez e 5,25% informaram que não sabem ou não quiseram opinar.
A pesquisa tem uma margem de erro de 4,85% para mais ou para menos.

Pesquisa registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob número PI-01311/2016

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Reunião nesta sexta-feira (15/09) decide se bancos voltam a funcionar

"Greve continua"
Mais uma rodada de negociações termina sem acordo entre o comando Nacional dos Bancários e a Federação Nacional dos Bancos, a Fenaban.
Nesta terça-feira (13/09) em São Paulo, o presidente do Sindicato dos Bancários do Piauí Arimatea Passos, informou que uma nova reunião será realizada na quinta-feira, dia 15, também em São Paulo.
O Comando Nacional dos Bancários quer que a greve seja mantida em todo o Brasil.
Os bancos ofereceram um reajuste de 7% nos salários que, segundo o comando grevista, é abaixo da inflação, além de um abono de R$ 3,3 mil.
A greve acontece desde o dia 06 de Setembro.

Greve dos bancários prossegue em todo o Brasil
Greve dos bancários prossegue em todo o Brasil
Fonte: Portal Meio Norte