sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Águas do São Francisco já correm pelos canais de Transposição. Assista ao enchimento do canal transposicao - 2014



O
s ministros Miriam Belchior (Planejamento) e Francisco Teixeira (Integração) vistoriaram nesta quarta-feira (22/10) as obras do Projeto de Integração do rio São Francisco (PISF), no trecho localizado no município de Floresta, em Pernambuco.

Belchior e Teixeira acompanharam testes de bombeamento de água na Estação de Bombeamento 1 (EBV1), em Floresta, que foram iniciados na última segunda-feira (13/10), cumprindo o cronograma de andamento das obras.
Até o final do ano, esse trecho da obra – a Meta 1 Leste – estará em pré-operação e, em seguida, entrará em operação comercial.

As estações de bombeamento são estruturas responsáveis por elevar a água de um TERRENO mais baixo para um mais alto. O Projeto de Integração do São Francisco tem seis estações no eixo Leste e três no eixo Norte.
A estação bombeia a água do lago de Itaparica até a o reservatório Areias, que fica em Floresta.

Ao todo, as estruturas do eixo Leste irão elevar a água em 300 metros acima do nível médio do lago de Itaparica até o ponto mais alto do canal – altura que pode ser comparada a um edifício de 100 andares.
Veja fotos das obras do Projeto de Integração do Rio São Francisco.
Em agosto deste ano foram abertas as ensecadeiras (barramento), enchendo os canais até as primeiras Estações de Bombeamento dos dois eixos do projeto: Norte e Leste.



O empreendimento está hoje com 66,1% de sua execução física concluída. As obras deverão ser finalizadas até dezembro de 2015. Cerca de 1,5 mil trabalhadores atuam na obra, além de 4,1 mil máquinas em operação ao longo dos 477 quilômetros de sua extensão.

O Projeto de Integração do rio São Francisco inclui dois canais lineares, 13 aquedutos, nove estações de bombeamento, 27 reservatórios e quatro túneis para o transporte de água.
Durante os testes, os técnicos do ministério da Integração fizeram ajustes entre os vários equipamentos da estação de bombeamento, entre elas as motobombas que fazem a água entrar nos reservatórios. Cada bomba pesa cerca de 100 toneladas, o equivalente a 100 veículos populares.

O Projeto de Integração do São Francisco (PISF) é um empreendimento de proporções e complexidade elevadas que vai garantir segurança hídrica a uma população de cerca de 12 milhões de pessoas em 390 municípios do Nordeste brasileiro.

Trata-se do maior projeto hídrico brasileiro cuja proposta data do Segundo Império (segunda metade do século 19). Desde então todas as tentativas de implantação do projeto fracassaram. As obras começaram de fato apenas em 2007.

Obras de transposição são complicadas e difíceis de serem tocadas em qualquer parte do mundo. O projeto Colorado-Big Thompson (SITE em inglês), nos Estados Unidos, tinha 240 quilômetros de extensão e levou 21 anos para ser concluído. A transposição Tejo-Segura, na Espanha, demorou 40 anos para ter os seus 242 quilômetros concluídos.

Já os 150 quilômetros do Projeto Chavimochic, no Peru, foram executados em 10 anos. O Projeto de Integração do Rio São Francisco tem um total de 477 quilômetros de extensão.

jornal luzilândia

Médico do Piauí chama Dilma de "cadela incompetente", "irresponsável", "terrorista" e "vagabunda". Até uma página foi criada para reunir as publicações de ódio

N
o segundo turno das eleições, no Piauí a presidente Dilma, candidata à reeleição, está sendo vítimas das mais agressões de preconceito e discriminação. Nas redes sociais os adversários do PT assacam contra a candidata as baixarias mais repugnantes possíveis.
No Brasil, os considerados "elitistas" culpam os cidadãos dos Estados do Nordeste pelas mazelas da nação. Em virtude dos xingamentos contra os nordestinos, até uma página foi criada para reunir as publicações de ódio.
No Piauí, os xingamentos não param. É o caso do médico cardiologista Ricardo Lobo, descendente de uma das famílias oligarcas mais tradicionais da região de Floriano, que nas redes sociais chamou a presidente da República de "cadela incompetente", "irresponsável", "TERRORISTA" e "vagabunda". As manifestações nas redes sociais beiram a agressão, onde quem externa preferência por um dos candidatos não esconde a ira que tem pelo outro.
www.jornaldeluzilandia.com.br


Fonte: JL/Sinopse de Imprensa

Quase pronto! Aeroporto Internacional Serra da Capivara está na fase final de acabamento. Aeroporto segue sem data para inaugurar. Veja imagens exclusivas!

Niéde Guidon doa R$ 105 mil de um prêmio para obra de aeroporto no PI

Arqueóloga decidiu usar o dinheiro para concluir pista de pouso. Obra no Piauí se arrasta há mais de 10 anos; atraso é entrave para turismo.












créditos: Aeroporto Internacional Serra da Capivara.
Obra da pista de pouso e decolagem ficou pronta em 2009 e processo licitatório ainda está em andamento, segundo governo estadual (Foto: Seinfra/Divulgação)


A arqueóloga Niède Guidon, reconhecida internacionalmente pelas pesquisas sobre sítios pré-históricos no sul do Piauí, doou mais de R$ 100 mil, metade de um prêmio que ela ganhou, para realizar obras na pista do aeroporto da cidade de São Raimundo Nonato.
A conclusão das modificações na pista é condição imposta pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para liberar R$ 13 milhões que permitam a inauguração do Museu da Natureza, que ficará dentro do Parque Nacional da Serra da Capivara, local famoso pelas pinturas rupestres pré-históricas. O parque passa por uma crise financeira e é alvo de vandalismo. A ideia é que o museu atraia o interesse de turistas e evite que o local caminhe para uma situação de abandono.    
As obras na pista necessitam de licitação pela Superintendência de Obras da Secretaria de Infraestrutura do Estado do Piauí (Seinfra). Mas a demora no trâmite da licitação poderia atrapalhar o repasse do recurso do BNDES e prejudicar a construção do novo museu, no município de Coronel José Dias, a 50 km de São Raimundo Nonato.
Por isso, Guidon decidiu doar mais de 50% do valor do prêmio recebido na Fundação Conrado Wessel no ano passado, em reconhecimento aos trabalhos desenvolvidos pela arqueóloga. A pesquisadora recebeu o valor de R$ 210 mil de R$ 300 mil (diferença é relativa ao imposto de renda).
A arqueóloga conta que foi informada em agosto deste ano que o governo do estado não teria condições de custear as adequações a curto prazo. “Diante disso eu disse que nós faríamos a doação e repassei o dinheiro que ganhei com o prêmio para a conta da Fundação. Já está tudo pronto (as adequações), mas ainda falta a Eletrobras vir e fazer a ligação da rede de energia. Disseram que só viriam depois dessa campanha eleitoral”, relatou.
O Museu do Homem Americano foi inaugurado em 1998 e o Museu da Natureza vai se somar a ele. Uma vez liberados os recursos do BNDES, o prazo até a inauguração será de aproximadamente 18 meses, segundo a Fundação Museu do Homem Americano (Fumdham), entidade que toca o projeto - além de administrar o parque em parceria com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).
Museu da Natureza (Foto: Divulgação)Imagens do projeto do Museu da Natureza (Foto: Divulgação)
“Achamos óbvio que o banco não queira investir num museu que posteriormente deverá ser mantido pela Fundham sem a garantia de que terá público suficiente para isso. Sem o aeroporto o número de visitantes continuará muito abaixo do número de visitantes que um Patrimônio da Humanidade em qualquer país recebe por ano”, destacou Rosa Trakalo, gestora de convênios e recursos da Fumdham.
Arqueóloga Niède Guidon doou parte do prêmio que recebeu para a obra (Foto: Pedro Santiago/G1)Arqueóloga Niède Guidon doou parte do prêmio que
recebeu para o aeroporto (Foto: Pedro Santiago/G1)
Trakalo informou que até agora a arqueóloga gastou com o aeroporto R$ 120.223,52 e falta pagar R$ 33.995,00 da instalação elétrica do balizamento que a Eletrobras, empresa de distribuição de energia, mandou corrigir, mas ainda não foi ligada. A pista está concluída e aguarda apenas uma vistoria da Anac.
“O dinheiro foi utilizado para limpar todo o entorno da pista e fazer uma cerca, barrando o possível acesso de animais e pessoas não autorizadas, recuperação de drenos, limpeza, instalação de manilhas e finalmente automatização elétrica do balizamento da pista e iluminação dos acessos. Existia um gerador que iluminava a pista, foi feita a rede, comprado e instalado o transformador e todas as ligações necessárias. A ligação efetiva ainda está dependendo da Eletrobras que assinalou pequenos problemas no projeto, aparentemente já corrigidos”, explicou Rosa.

Contas de Dom Inocêncio no período 2011 são julgadas nesta quinta-feira (23/10) e consideradas irregulares pelo Tribunal de Contas do estado.

O advogado Inocêncio Leal Parente
era prefeito de Dom Inocêncio em 2011
Na sessão foi julgado o balanço geral (2011) de Dom Inocêncio, as contas da prefeitura, de responsabilidade do gestor Inocêncio Leal Parente foram consideradas irregulares e determinou-se imputação de débito, as contas do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação – Fundeb e FMS foram julgadas como irregulares.

BALANÇO GERAL
TC-E-014408/12 BALANÇO GERAL - 2011
Interessado(s): INOCENCIO LEAL PARENTE
Unidade Gestora: P. M. DE DOM INOCENCIO
INOCÊNCIO LEAL PARENTE - PREFEITURA
Advogado(s): Anastácio Araújo Costa Sales Neto OAB/PI nº 6.390 (Sem Procuração)
Julgamento: Irregularidade. Imputação de débito.
ERISVÁ PEREIRA DA SILVA - FUNDEB (GESTOR) De: 01/01/11 à 30/06/11
Advogado(s): Anastácio Araújo Costa Sales Neto OAB/PI nº 6.390 (Sem Procuração)
Julgamento: Irregularidade.
JOÃO RODRIGUES DAMASCENO NETO - FUNDEB
De: 01/07/11 à 31/12/11
Julgamento: Irregularidade.
SÍLVIO CORREIA ARAGÃO NETO - FMS 
Advogado(s): Anastácio Araújo Costa Sales Neto OAB/PI nº 6.390 (Sem Procuração)
Julgamento: Irregularidade.
ANA PAULA OLIVEIRA ARAGÃO PARENTE – FMAS
Julgamento: Regularidade com ressalvas sem multa.
GENIVALDO DA SILVA COELHO – CÂMARA

Julgamento: Regularidade com ressalvas e multa.

Confira acessando o link abaixo

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Veja imagens da sede de Dom Inocêncio e saiba quem são os distribuidores dos produtos Cristal

Comercial Damasceno em Dom Inocêncio com organização de Marinho Damasceno é distribuidor dos produtos da Cristal

créditos: Marcelo Damasceno
Av. Angelim na sede de Dom Inocêncio em frente ao Comercial Damasceno org. Marinho e Divina  distribuidor da Cristal
mais á frente á esquerda o Comercial Ferreira org. Costinha/Zildenir
início da Avenida Caroá na sede de Dom Inocêncio onde está localizado á esquerda o Armazém Gomes org. Nequinha e Genilde
e Comercial Gomes org. Zé do Valter 

todos representantes Cristal
Travessa Carquejo no centro da sede de Dom Inocêncio com o
Mercadinho São José org. Zequinha
e Comercial Costa org. Elvira
todos  distribuidores dos produtos Cristal

Veja as imagens mais incríveis que circulam na rede!

R7.comhttp://noticias.r7.com/hora-7/fotos/top-100-do-hora

De boa... Ela tá viva!
De boa... Ela tá viva!
Assim fica mais fácil de encontrar suas raízes!

Assim fica mais fácil de encontrar suas raízes!


Olha direito: o alemãozinho da direita não tá pelado não!
Olha direito: o alemãozinho da direita não tá pelado não!

Cantor e compositor Zeca Baleiro declara seu voto e analisa campanha de candidatos a presidência



Opinião: Um Voto Crítico, Mas Convicto
O direito à oposição e o anseio pela alternância de poder são pressupostos básicos de um estado democrático. Desejar e acalentar o sonho de mudanças também é uma natural aspiração de todo cidadão.
Acho o governo Dilma criticável, como todo governo o é. Acho o PT criticável também, como todos os partidos o são. Como todo brasileiro, anseio por mudanças que urgem, embora reconheça que há mudanças políticas em curso neste governo que são louváveis. De qualquer modo, embora Dilma tenha seus pontos vulneráveis, não vejo adversário digno de sucedê-la. Mudar por mudar não me parece conveniente. 
Um dos argumentos mais usados pelos detratores da atual presidente e seu partido é o de que “estão há muito tempo no poder”. Esquecem que os tucanos há 20 anos ocupam o trono do governo de São Paulo (e há tempos vêm cometendo pecados sem perdão como o desmando irresponsável que gerou a crise de abastecimento de água no estado), isso sem falar nas oligarquias do Maranhão, há 48 anos roendo o osso do poder, e a de Alagoas, há outros tantos anos se perpetuando na política local (e estes casos nem devem ser levados em conta, pois, além de antidemocráticos, são imorais).
Um governo comprometido socialmente deve dirigir o olhar primeiramente aos desfavorecidos, aos excluídos do jogo social, isso é óbvio. Este governo que aí está fez isso. E o que não faltam no Brasil são pessoas vivendo em quadro de pobreza extrema, privadas dos direitos básicos de cidadão, massa de manobra barata para oligarcas usurpadores. Quando o buraco é muito fundo – e o fosso social no Brasil é pra lá de fundo -, não há como não ser assistencialista, infelizmente. Uma das frases feitas que mais me indignam neste pobre debate político (debate entre aspas) é a máxima hipócrita de que “é melhor ensinar a pescar do que dar o peixe”. Ora, como ensinar a pescar um sujeito devastado pela fome e pela doença?

Outro argumento usado à exaustão é o da corrupção, e não podemos nos enganar - todos os partidos, quando ocupam o poder, caem em tentação, para nossa desgraça. A diferença básica neste Fla-Flu de corruptos é que os do PSDB seguem impunes, os do PT nem tanto. Só a punição exemplar desses bandidos somada à vigilância social mais ferrenha poderá fazer banir esta "cultura da corrupção" que hoje impera no país, ou ao menos reduzir os seus índices.

Não sou petista nem sou apegado a partidos ou candidatos. Voto com independência. No primeiro turno, meu voto foi dividido entre candidatos do PSOL, do PSB e do PT. Isto me parece coerente. Se nos próximos anos aparecer uma grande e confiável liderança política de outro partido, não hesitarei em mudar meu voto, desde que seu projeto tenha viés socialista, único projeto político que penso ser viável no mundo de hoje. Isto também me parece coerente.


O que não me parece coerente é ver a ex-candidata Marina Silva, arauta da “nova política”, anunciando seu apoio à candidatura Aécio Neves. Todos sabemos que a sua trajetória de luta contra os barões malfeitores do Acre a aproxima ideologicamente mais do PT, e não foi à toa que ela assumiu a pasta do Meio-Ambiente no governo Lula. Isto que ela agora faz é velha politicagem, jamais nova política. Sabemos para onde miram os políticos do PSDB, e no que vai resultar um novo governo tucano (e faço questão de afirmar o mesmo repúdio às alianças eleitoreiras do PT com velhos caciques paroquiais como Sarney, Collor e Calheiros).

Se a intenção de parte do eleitorado era destronar o PT e Dilma a qualquer custo, então que votasse num partido mais à esquerda (sim, eles existem) e não num partido que reza na cartilha do datado neoliberalismo que levou à convulsão social e ao desemprego massivo países europeus sólidos como França e Espanha, e que quase levou o Brasil à bancarrota, na era FHC. Este, por sua vez, sociólogo pós-graduado na Universidade de Paris, tem como hobby disparar frases infelizes, como a recente declaração preconceituosa e separatista sobre os nordestinos e seu voto, segundo ele, catequizado. Com todo o respeito que possa merecer, o ex-presidente está na Idade Média da Sociologia. Avançamos muito nos últimos anos em termos de “pensamento social”. Não há porque retroceder.

Votarei em Dilma e, caso ela seja eleita, terá em mim um crítico implacável de seu governo. É assim que entendo o que chamam de democracia. O resto é balela.
P.S.: Peço aos internautas que queiram comentar, criticar ou divergir do meu texto, que o façam civilizadamente, com argumentos embasados, não com ofensas ou baixarias. De baixo, já basta o nível do debate dos nossos candidatos na corrida eleitoral.
Zeca Baleiro

(17 de outubro de 2014)

Outubro Rosa,  A Cristal apoia esta campanha!
Faça o exame de prevenção do câncer de mama! Vá ao Posto de Saúde mais próximo!

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Dilma recebeu quase 90% dos votos em Dom Inocêncio-PI no 1º turno. Aécio ficou com apenas 6,22%



A Presidenta Dilma recebeu uma quantidade expressiva de votos na pequena Dom Inocêncio, no semiárido piauiense. Com quase a totalidade dos votos válidos do município, que somaram 5.147, a candidata a reeleição obteve 4.559, quase 90% do total. Aécio Neves, candidato do PSDB, partido que governa Dom Inocêncio, arrebanhou apenas 6,22% dos votos válidos. Uma pequena mostra do que foi a votação da candidata do PT em todo o Piauí.

Fonte: TSE
Cargo
Nr Cand
Candidato
Partido
Situação
Qt Votos
Nominais
%
Presidente
13
DILMA VANA ROUSSEFF
PT
2º turno
4.559
88,58

45
AÉCIO NEVES DA CUNHA
PSDB
2º turno
320
6,22

40
MARIA OSMARINA MARINA DA SILVA VAZ DE LIMA
PSB
Não eleito
239
4,64

50
LUCIANA KREBS GENRO
PSOL
Não eleito
7
0,14

43
EDUARDO JORGE MARTINS ALVES SOBRINHO
PV
Não eleito
5
0,10

20
EVERALDO DIAS PEREIRA
PSC
Não eleito
5
0,10

16
JOSÉ MARIA DE ALMEIDA
PSTU
Não eleito
4
0,08

28
JOSÉ LEVY FIDELIX DA CRUZ
PRTB
Não eleito
3
0,06

27
JOSE MARIA EYMAEL
PSDC
Não eleito
3
0,06

21
MAURO LUÍS IASI
PCB
Não eleito
2
0,04
Subtotal




5.147

Governador
13
JOSÉ WELLINGTON BARROSO DE ARAÚJO DIAS
PT
Eleito
3.782
76,13

15
ANTONIO JOSE DE MORAES SOUZA FILHO
PMDB
Não eleito
1.152
23,19